URGENTE: Precisamos de doações para pagar o DOMÍNIO e HOSPEDAGEM do Projeto Jogatina.
Qualquer valor é válido!
Para mais informações escrevam para doacoes@projetojogatina.org

Projeto Jogatina

Jogatina
vitoriosa

Uma viagem sem fim
Pokemon White 2 (Nintendo DS)
Por Bispo Snake
• Criada em 02 de maio de 2013
• Essa jogatina já foi visitada 1466 vezes.


    Screenshot contruibuído por um membro do projeto.

    Qual seria o objetivo disso? Masterizar o game? Jogar por diversão? Pegar todos os 649 monstros disponíveis? Conseguir descobrir todos os segredos no mapa? Pegar todos os Poquemãos lendários? Vai saber.

    27 comentários para
    Uma viagem sem fim

    1. Consegui passar pelo 2o ginásio e ir para Castelia City, tentando saber de paradeiros do Team Plasma.

      Provavelmente vai ter muita coisa pra fazer nessa cidade, ela é enorme. Pra fechar a Pokedex até o momento, só me falta um Dunsparce na rota 20 (ou em alguma outra rota), fora isso tá tudo completinho.

      Vamo que vamo.
    2. Consegui o tal do Dunsparce. Botei um poquemão meu pra troca no Global Trading System, e me mandaram um Dunsparce de volta.

      O legal é que o nome do bicho veio em japonês eu acho, e vou ter que conviver assim até achar o tiozinho que troca o nome dos poquemãos pra botar do jeito certo
    3. Cheguei até o terceiro ginásio na cidade de Castelia. Acabei perdendo pro Burgh, mas acho que a revanche não vai ser complicada, o Pokemon mais forte dele, um Leaveanny, tá no nível 24. Já os meus, no 20.

      O problema é que eu não tenho nenhum poquemão de fuego, só um Growlithe nível 14... Esse ginásio é só de inseptos.
    4. Passei pelo 3o ginásio, descobri que um golpe chamado "bug bite" de um poquemão meu que é do tipo inseto dá muito dano em insetos... Foi isso que me ajudou passar =)

      Agora, rumando para a parte de cima do mapa e quarto ginásio - oito no total. Provavelmente vai ter muito entrevero antes de chegar ao ginásio em si, deve rolar umas side-quests antes.
    5. Para mandar um log / save state mental:

      Conforme previsto, antes de ir para a próxima cidade fui até Relic Castle, um castelo perdido que fica no meio do deserto, bem ao lado da próxima cidade que tenho de ir.

      Vários poquemãos nessa área, devo ter capturado uns 10 diferentes, inclusive o mais raro deles na área.

      Brinquei bastante no Pokemon Global Link na internet, não entendi direito mas acho que dá pra recuperar itens e poquemãos por lá... Basta acordar o poquemão que eu botei no Dream World e acessar o Entralink por dentro do game.

      Fora as estatísticas de trocas, batalhas, campeonatos, etc, que rola nesse site. Bem divertido, quero ver o que os caras estão preparando para o próximo poquemão de 3DS.

      Será que verei um poquemão shiny algum dia?
    6. Mais um save-state mental.

      Passei por Relic Castle, foi bem tranquilo na verdade. Tinha duas salas, algumas lutas e mais poquemões novos para tentar completar a pokedex.

      Rumei pra próxima cidade, e antes de adentrá-la, abri a tal da Join Avenue. É um shopping center que você cria com o povo que visita sua casa no Global Link, ou com o povo que você interage no Global Trade. Eles passam na sua avenida, e então você pode pedir pra eles abrirem um comércio ou comprar algo. Com comércio, você consegue comprar itens bons com desconto, treinar seus poquemãos, aumentar estatísticas deles, etc. Quando seus visitantes compram algo, você sobe o nível das suas lojinhas e elas começam a ter coisas diferenciadas e melhoradas pra vender. É como ter sua própria 25 de março :)

      Entrei na battle station que fica nessa próxima cidade - ou quase isso - e estou batalhando por Battle Points dentro dos metrôs. É uma corrida só, tem que vencer 7 treinadores com 4 de seus poquemãos, todo mundo travado no nível 50 não importa qual nível você esteja.

      De quebra, agilizei o Drillburr no Entralink como eu havia suspeitado. Os poquemãos que você encontra no Dream World acabam indo pro jogo se você consegue vencer os minigames, e você pode então recrutá-los para seu time quando o poquemão que está dormindo no Dream World acorda.

      Muito legal esse game no fim das contas, tem muita sidequest. Tomara que eu consiga ir pro fim diretão.
    7. Perdi para o último poquemão, do último treinador na battle station. Incrível, não ganhei necas.

      Voltei pra linha principal do game pra não me perder, preciso agora batalhar o treinador de Nimbasa City que só tem poquemãos eléctricos. Meu time tem dois poquemãos de água, que serão rapidamente exterminados... Preciso bolar um plano.
    8. Resolvido, com muito custo consegui passar do 4o ginásio, o dos pokemãos elétricos. A batalha foi ferrenha, acabei ganhando com 3 pokemãos só praticamente, que não eram de água.

      A dificuldade está subindo vertiginosamente, vai ter que rolar uns grinds aí pra subir de nível, senão tomarei pau no próximo ginásio...
    9. 5o ginásio vencido. Foi treta conseguir passar, mesmo tendo 2 poquemãos de água no time, contando que o 5o ginásio era com poquemãos de pedra. Precisei fazer um grindzinho sussa, e perder uma vez pro líder do ginásio.

      Agora, vamos mais para o sul de Driftveil, para o Pokemon World Tournament!
    10. Poquemão World Tournament também vencido, botei o meu Keldeo (poquemão relativamente forte que peguei de eventos onlines da Nintendo) e ele deu conta do recado. Se não fosse ele, teria perdido com certeza.

      Desci um pouco mais no mapa, entrei na Relic Passage e depois no Relic Castle, no outro lado dele... Dava pra entrar pela direita da cidade de Nimbasa City, mas era bem limitado.

      Peguei um poquemão muito apelativo lá dentro chamado Volcarona, ele estava no mapa (não foi um encontro aleatório), cheguei pra trocar idéia achando que era npc e no fim era um poquemão. Consegui com custo pegar ele, vou buscar mais conhecimento pra ver se vale botar no time, bem capaz que sim.

      Bora adentrar mais Relic Castle / Passage pra ver o que acontece, antes de ir pro 6o ginásio.
    11. Save state mental:

      Andei pelo Relic Castle, mas só tinha o poquemão Volcarona e uma Ultraball. Voltei por todo o caminho e rumei pela rota 6, para o Oeste. A rota deve ter 100 metros, mas o que tem de coisa pra fazer no meio do caminho... Fiquei coisa de 40 minutos nela e ainda não cheguei no fim.

      O bom é que agora peguei o move "Surf", que me deixa usar um poquemão de água para navegar e atravessar rios, além de que esse golpe é muito forte em batalha.

      Também encontrei o Cobalion, primeiro poquemão lendário. Não peguei, foi só um "opa, e aí chapa?" e ele subiu pelo mapa. Capaz de mais pra frente ter jeito de pegar ele.
    12. Indo pela Chargestone Cave, no fim da rota 6. É uma caverna bem estranha, parece soltar raios elétricos, não sei que tipo de poquemão vou encontrar aqui.

      Também consegui pegar o Shiny Dialga, na promoção de distribuição dos Poquemãos em lojas do país. Peguei na FNAC Campinas, ainda um Palkia e um Giratina pra pegar.
    13. Shiny Palkia adquirido ontem, lá na Saraiva do shopping Center Norte de São Paulo. Agora só falta o (a?) Giratina que começa a distribuir semana que vem.

      Ainda dentro da Chargestone Cave, ela é grande pra burro e tem dois ou três andares... Vejamos se consigo sair de l á em breve.
    14. Pronto, consegui sair da Chargestone Cave e chegar à próxima cidade, Mistralton City.

      Rolou uma conversa com a Prof. Juniper e com a líder de ginásio. Eu poderia ir pra Celestial Tower ou pro ginásio, preferi ir direto pra Celestial Tower pra treinar mais antes de ir pro ginásio. Acho uma boa chegar lá com os poquemãos perto do nível 40, e por enquanto estou no 36 com todos.
    15. 6a insígina obtida! Derrotei (com certa facilidade) a líder do 6o ginásio em Milstralton City. Ela tinha somente poquemãos voadores, e eu tinha dois poquemãos elétricos de nível alto no time, então... Foi fácil.

      Rumo agora à Lentimas Town!
    16. Lentimas Town é bem pequena, passei rápido por lá.

      Segui rumo à direita, para a Strange House. Foi um lance meio Resident Evil, mas deu pra pegar alguns poquemãos novos na região. Me lembrei da cidade de Lavender nos primeiros games...

      Subi o mapa e entrei na Reversal Mountain. Mais uma caverna abarrotada de coisas :)
    17. Reversal Mountain vencida. Levei um tempo pra explorar o mapa dela inteira, mas consegui passar.

      Saí de lá e rumei à direita, para a cidade de Undella. Não tinha muita coisa pra se ver, mas tinham 3 rotas à serem seguidas: pelo mar à direita, pra cima de Undella ou ao sul de Undella. Pelo sul a rota estava fechada, acabei subindo pela cidade mesmo, porque não gosto de navegar pelo mar :)

      Tive que fazer umas mudanças no time também. Sandslash, Volcarona e Golduck não estavam dando no couro. Ainda falta aquele "ace" no time, o cara que tem ataques especiais capazes de resolver a batalha. Tenho um muito bom, o Lucario, mas ele só tem ataques físicos. Ainda me falta um Alakazam ou algum outro psíquico, ou ainda algum que tenha bastante ataque que altere stats. Dizem que Volcarona é muito bom (boa?), mas não vou ter saco pra subir o nível pra ver no que vai se transformar.

      Recrutei um Skorupi (venenoso) e um Banette (fantasma), vamos ver se eles vão render. Infelizmente o Banette não vai evoluir mais, tomara que ele tenha ataques bons mais pra frente.

      Rota 13, rumo à Lacunosa.

      Bônus:

      [ABRIR IMAGEM]
    18. Sério, uma coisa que eu estava falando com Nelson esses dias...

      Qual outro RPG que tem 649 personagens pra você jogar, e que cada um tem uma personalidade levemente distinta de um pro outro? E sem contar que se você encontrar o MESMO igual ao seu, ele provavelmente muda alguma estatística ou característica daquele que você já tem?

      Confuso? Não, um puta esquema de RPG combinado com batalhas clássicas por turno. Esse jogo é sensacional.
    19. Cheguei em Lacunosa City, e de quebra ainda capturei o lendário Cobalion que estava no meio do caminho.

      Rolou uma conversa sobre a Giant Chasm com a professora Juniper e com Bianca logo que cheguei em Lacunosa, sobre a lenda de um poquemão gigante que chegou num meteorito e tal. Deve ser o Reshiram, o que aparece na capa do game. Com certeza ele vai fazer uma aparição em breve.

      A 7a insígnia ainda deve estar na próxima cidade, em Opelucid. Vou dar mais um rolê por Lacunosa e arredores, depois irei para a próxima cidade. Pelo mapa, vai demorar bastante :)
    20. 7a insígnia é nossa!

      Foi uma luta tretadíssima contra Drayden, líder de Opelucid e dono de 3 poquemãos Dragões. Não tinha nenhum poquemão no time que fosse de Ice ou Dragão pra poder dar mais danos, mas no fim os meus simples poquemãos deram conta. O time está muito bom :)

      Depois da luta contra o líder do ginásio, rolou outra treta: o time Plasma invadiu a cidade e roubou os DNA's splicers, umas paradas que eram guardadas por Drayden contendo DNA de poquemãos lendários da antiguidade.

      Se o time Plasma conseguir reviver esses poquemãos...
    21. Sim! Finalmente! [semps mode]Quanta emoção! ^^[/semps mode]

      Consegui a última insígnia, lutando em Humilau City. Lutei contra um time aquático do último ginásio, e não foi tão difícil, apesar do time não estar com nível tão alto quanto do time do ginásio. Lucario foi decisivo, foi excelente idéia investir nele.

      Antes de ir para a Liga Poquemão, tive que ir atrás do time Plasma novamente. Consegui entrar no barco deles lá ao lado de SeaSide Cave, e descobri que eles estavam usando um poquemão lendário chamado Kyurem para lançar gelo por Unova, e pegar os DNA's para poder reviver Reshiram e Zekrom, únicos capazes de combater Kyurem diretamente.

      Preciso ir para Giant Chasm e tentar encontrar Zekrom ou Reshiram e por fim ao time Plasma antes de ir para a Liga Poquemão :)
    22. Time Plasma eliminado!

      Foram duas lutas ferrenhas. A primeira foi contra Colress, um cientista que apareceu no começo do game e não parecia ser mau... No fim, estava trabalhando para o time Plasma. Foi uma luta dificílima, ele só tinha poquemãos do tipo STEEL, e o único poquemão que eu tinha pra combater de igual pra igual era o Lucario... E o Lucario não aguentaria uma luta contra 6 poquemãos na sequência, também porque a defesa dele é o atributo mais fraco... No fim, precisei da ajuda de um pokemão lendário que eu tinha que era justamente do tipo FIGHTING, o Keldeo.

      Depois, veio o próprio Ghetsis, líder do time Plasma. Foi uma luta sensacional, consegui primeiro bater Kyurem que estava sendo controlado por ele... Houve uma treta antes, o filho de Ghetsis apareceu, ele era o "boss" do time Plasma no primeiro jogo, e agora veio para o lado bom da força. E ele não veio sozinho, veio com Reshiram, o poquemão único que poderia ser capaz de derrotar Kyurem.

      Tava tudo sussa, até quando Ghetsis usou os DNA's splicers roubados para aprisionar Reshiram... E fundi-lo com Kyurem. Pra minha sorte, Keldeo conseguiu com dois golpes quebrar a fusão. Reshiram voltou para o filho de Ghetsis e Kyurem fugiu para outro lugar.

      Depois disso, a luta final contra Ghetsis... Foi uma luta muito difícil também, ele tinha 6 poquemãos fortíssimos e com vários movimentos variados (poquemão aquático com golpe de fogo e eletricidade por exemplo... que coisa não?). Devolvi o Keldeo no centro poquemão na primeira vez que fui derrotado por ele, e voltei com Reuniclus, um poquemão psíquico que já era do meu time que havia substituído antes por Keldeo. E Reuniclus tem uma habilidade imprescindível: só tomar dano de ataques. Ou seja, dano por envenenamento ou queimaduras, não o afetariam.

      No fim, consegui às duras penas vencer Ghetsis, sobrando apenas Lucario no time - o restante do meu time tomou KO na cabeça.

      E o principal que fica: esse jogo realmente não é pra criança. O game é difícil e é um RPG de primeira, com muita coisa pra se fazer... Não perde nada pra qualquer outro RPG poraí. A história é muito boa também. Acho que fica aquele negócio de game de criança justamente pelo design dos monstrinhos...

      Acabou? Não, não acabou. Apesar de ter resolvido a treta com o time Plasma, ainda tenho que subir a Victory Road em direção à Liga Poquemão: ali está o verdadeiro desafio.

      Boa sorte pro meu time!
    23. Caceta, a Victory Road é infinita!

      Aliás, é o que acontece com a maioria dos games dos Poquemãos: as estradas e mapas são pequenos, você não perde tanto tempo pra manjar o caminho e tal, mas elas são complicadas de se passar, já que tem bastante coisas pra se ver, batalhas pra lutar, etc.

      Quase no fim dela, e na próxima... Elite Four!
    24. Ah, a Liga Poquemão... Acho que a última vez que cheguei nela foi em 98/99, jogando no Poquemão Yellow do Gameboy CoLLor.

      E incrível, passei a Elite Four com uma certa facilidade, mas chegando no que seria o último boss do game, o campeão da liga... Tomei um senhor sapeco. Perdi feio, fui espancado.

      O problema é que quando você enfrenta a Elite Four e o Campeão, não pode curar seu time, a não ser pelos itens que você dispõe à mão no momento como potions, revives, etc. Ou seja, o negócio é osso.

      Recomeçar a Elite Four é a ordem, cheguei longe e agora não tem rollback. 88 horas de jogo, acreditem ou não.

      E repito: ESSE JOGO NÃO É PARA CRIANÇAS.


    25. Sim! SIM!!! GAME TERMINADO!!! PUTA MERDA!!!

      A batalha foi ferrenha! A campeã da Liga Poquemão, a bela Iris, tinha somente poquemãos dragões no time. Eu precisei ensinar o golpe "IceBeam" para o único capaz de aprender no meu time: o Samurott, meu poquemão inicial.

      Só sobrou ele vivo no time, com 20 pontos de HP. Se eu errasse o golpe, seria fatal, mas acertei e venci a luta. Essa foi aquela vitória sofrida, com o life no bico, e talvez por isso tenha sido épico.

      Caras, grande jogo. Sério, façam um favor para vocês e joguem isso. E infelizmente, ontem fechou-se o site Global Link, justamente quando eu termino o game hoje. Essa jogatina vai deixar saudades.

      Sério, foi muito gratificante isso. Pra acabar de vez com qualquer preconceito de "game de criança", fazia tempo que não me divertia tanto com um RPG. E bora para a próxima. :)
    26. Estou me animando novamente a comprar um novo Pokemon. Muita gente está dizendo que o X/Y está muito bom, quem sabe?

      Eu queria mesmo era um Fire Red ou um Green Leaf, mas esses são pedreira de arrumar.

      Fora que eu ainda tenho que terminar o HeartGold. Ainda não venci o Red Champion. Falta só ele, mas o cara é um monstro.

    Tabela de caretas e tags +
    Os comandos personalizados disponíveis são:
    [b] negrito [/b]
    [i] itálico [/i]
    [u] sublinhado [/u]
    [s] riscado [/s]
    [x] spoiler [/x]
    [-] bolinha indicadora de lista

    Deixe uma resposta

    Assinar comentários desta página via RSS

    Projeto Jogatina

    "You have to defeat sheng long to stand a chance"
    Street Fighter
    "Jogatina para Jogadores Honestos."

    © 2018 Projeto Jogatina
    © 2018 Igreja do Famicom Invisível
    © 2018 NES Archive
    Idealizado por Pastor Cospefogo.
    Todas as marcas, jogos, personagens e produtos aqui mencionados são propriedades de seus próprios autores.
    Todos os comentários e análises são de responsabilidade de seus respectivos autores.
    O sítio Jogatina não tem nenhum vínculo ou objetivo comercial. Gamepad icons by Deleket (Jo Mendoza).
    Voltar ao topo